segunda-feira, 31 de março de 2014

Me espere



Me espere!

Não apresse o passo,
que a distância me deixa pra trás.
Quero ir do seu lado
mãos dadas, corações ligados.
A mesma intenção, 
um só pensamento!

Não corra!
Estou indo ao seu encontro!
Prometo chegar a tempo
de colorir o seu mundo
com meu sorriso lilás
e adoçar sua vida 
com meus abraços de mel.

Val Zamp Dantas

___30/03/14___



7 comentários:

  1. Te espero com certeza!
    A ler o teu lindo poema
    Perfumada a tua beleza
    Com cheirinho a alfazema.

    Apresso sim o passo!
    Quero depressa chegar
    Tenho pressa, não me atraso
    Não sei onde te encotrar!

    Me indica o lugar!
    Não te irás arrepender
    Quando eu aí chegar
    Vais ver quem sou eu!

    Um abraço para você,
    amiga Val Zamp Dantas.
    Eduardo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Eduardo. :)
      Abraço pra você também.

      Excluir
  2. Respostas
    1. Obrigada, Mário! Romantismo é sempre delicioso, venha a hora que vier! ;)

      Excluir
  3. Belo trabalho onde o amor se faz na plenitude.
    Aplausos amiga.
    Carinhoso abraço.
    Bju

    ResponderExcluir
  4. Bom dia, Val!
    Um relacionamento para dar certo precisa de sintonia, que o casal ande lado a lado. Muito bem expresso teu poema.
    Belo cantinho tens aqui :-)
    Obrigada pela visita ao meu blog, um abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que veio, Fernanda! :) Obrigada. Com certeza! Se num relacionamento um andar à frente do outro...não há sintonia que resista! Abraço pra ti também!

      Excluir